pOEMINHA INACABADO

quinta-feira, julho 31, 2014

Sim, meu bem, outros novembros virão,
Novos ares, uma nova estação,
E o que de nós irá restar,
Além de flores mortas,
Espalhadas pelo chão?

Quantas vezes te falei,
Se a árvore morreu,
Não faz sentido continuar cultivando a raiz,
Como é que a gente pode ser feliz?
Sem espaço pro que é meu e seu,
E seu não há…

Ah, quando foi que a gente esqueceu
Que pra semente germinar,
Precisa de luz, espaço e amor,
Que não há santo no mundo que faça esse favor,
De mais de uma raiz no mesmo espaço-coração
repousar,
e crescer.

Florescer.

[…]WP_20140730_005

Anúncios

3 Respostas to “pOEMINHA INACABADO”

  1. thyagofas Says:

    Muito bom. Estou acompanhando o seu blog “nova mente”.

  2. ;) Says:

    mas não deixamos ainda o refazer, refazendo agora estamos, e tenho fé que iremos sorrir de nossas desaventuranças passadas e até das futuras, mas viveremos, mesmo que depois nos arrependemos, um presente intenso e harmonioso, assim como vc e eu…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: